Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Sarkozy anuncia candidatura às presidenciais de 2017

  • 333

VINCENT KESSLER / REUTERS

A notícia, avançada pelo jornal “Le Figaro”, foi entretanto reforçada pelo antigo Presidente francês na sua conta de Twitter, onde partilhou um excerto do seu novo livro “Tudo pela França”. “Este livro é o ponto de partida”

“Decidi candidatar-me às eleições presidenciais de 2017. Sinto que tenho a força necessária para liderar este combate num momento tão tormentoso.” Foi através do prólogo do seu livro “Tout pour la France” (“Tudo pela França”), que chega às livrarias esta quarta-feira, que Nicolas Sarkozy anunciou que pretende ser candidato presidencial nas eleições do próximo ano, marcadas para 23 de abril e 7 de maio.

A notícia, avançada pelo jornal “Le Figaro”, foi entretanto reforçada pelo antigo Presidente francês (que assumiu o cargo entre 2007 e 2012) na sua conta de Twitter. Nas redes sociais, partilha um excerto do prólogo do livro que irá lançar esta semana e no qual revela as suas intenções. “Este livro é o ponto de partida”, reforça.

A expetativa é de que a sua campanha assente nos temas da imigração e segurança, num momento em que o país se debate com a melhor forma de lidar com os ataques terroristas que têm afetado o seu país e a Europa, tal como a onda de migrantes e refugiados que chegam ao continente em busca de melhores condições de vida.

Afastado do Eliseu em 2012, quando François Hollande lhe roubou o lugar de Presidente, Sarkozy não tem escondido a sua vontade de regressar à presidência. Aos 61 anos, o líder dos republicanos terá que abdicar da liderança do partido (que até ao ano passado se chamava União por um Movimento Popular), de modo a poder inscrever-se nas primárias, que irão decorrer no próximo dia 20 de novembro.

Antes da corrida presidencial, Sarkozy terá primeiro que vencer as primárias d' Os Republicanos, que irão ser disputadas por uma dezena de candidatos. O antigo primeiro-ministro Alain Juppé (atual presidente da Câmara de Bordéus) é um dos adversários de peso.