Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Leonor Beleza não vai aceitar novo convite da CGD

  • 333

Campiso Rocha

A presidente da Fundação Champalimaud salientou que “desde o início” disse “não estar disponível para pôr em causa, ou diminuir de intensidade” o trabalho realizado na instituição

Leonor Beleza não vai aceitar um novo convite para ser administradora não executiva da Caixa Geral de Depósitos (CGD). A notícia foi avançada ao começo da noite desta quinta-feira pelo “Negócios”.

“Desde o início, tornei também claríssimo que não estava nem estou disponível para pôr em causa, ou diminuir de intensidade, o meu envolvimento como presidente da Fundação Champalimaud, missão que me foi confiada em testamento por António Champalimaud”, justificou Leonor Beleza, citada pelo “Negócios”.

O nome da presidente da Fundação Champalimaud foi um dos oito rejeitados pelo Banco Central Europeu (BCE) propostos pelo Governo para o Conselho de Administração da CGD. Em causa está o facto de Beleza exceder o limite de cargos em órgãos sociais de outras sociedades.

"Fui surpreendida hoje [quinta-feira] pelas notícias veiculadas pela comunicação social sobre o proces-so de apreciação da minha possível nomeação como administradora não executiva da Cai-xa Geral de Depósitos", afirmou esta quinta-feira a atual presidente da Fundação Champa-limaud, questionada pela agência Lusa.