Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Duas bombas explodem em resort tailandês. Há pelo menos um morto

  • 333

Bombas foram colocadas no interior de canteiros e foram detonadas com meia hora de diferença. As autoridades confirmam 19 feridos

Pelo menos uma mulher morreu e 19 pessoas ficaram feridas no seguimento de duas explosões num resort junto à praia em Hua Hin, na costa sul da Tailândia. Segundo fonte policial, citada pela BBC, entre os feridos há pelo oito estrangeiros.

As duas bombas estavam escondidas nos canteiros e foram ativadas por telemóvel.

A primeira bomba explodiu pelas 20h (14h em Lisboa). A segunda explosão aconteceu às 20h20 (14h20 em Lisboa), informou a policia local citada pela agência Reuters. Os dois canteiros, onde estavam colocados os explosivos, encontravam-se a cerca de 50 metros de distância.

Ninguém ficou ferido na primeira explosão.

“Ouvi as pessoas gritarem: bomba! Bomba! Mas não ouvi nenhuma explosão”, conta à BBC Mark Gainsford, um britânico que se encontrava junto ao resort. “Sai a correr para a rua para ver se conseguia ajudar. Vi oito ou dez pessoas feridas e caídas no chão. A polícia chegou muito rápido”, acrescentou.

O incidente acontece na véspera da celebração de um feriado nacional que assinala o aniversário da Rainha Sirikit.

Hua Hin localiza-se na província de Prachuap Khiri Khan, a cerca de 200 quilómetros de Banguecoque. É uma zona especialmente conhecida pelos resorts junto à praia.

Segundo a BBC, nas três provincias mais a sul da Tailândia, os ataques com bombas são frequentes, embora seja muito raro acontecerem em zonas turísticas.

Já esta quinta-feira, uma bomba explodiu num mercado na cidade de Trang, que resultou em seis pessoas feridas.

Notícia atualizada às 22h