Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Nice: mais duas pessoas detidas

  • 333

JEAN-PIERRE AMET/ Getty Images

As autoridades francesas estão a investigar quem terá “proporcionado o apoio logístico” ao homem que atropelou uma multidão com um camião em Nice. Morreram 84 pessoas

Dois homens foram detidos sob suspeita de terem apoiado Mohamed Lahouaiej Bouhlel, o atacante que há duas semanas atropelou uma multidão em Nice, causando mais de 80 mortos e 200 feridos. A detenção aconteceu na segunda-feira, mas só agora foi confirmada pelas autoridades francesas.

“Esta duas detenções foram feitas enquanto os investigadores tentam perceber quem deu apoio logístico ao atacante em Nice”, disse Agnes Thibault Lecuivre, porta-voz do gabinete do Procurador Antiterrorismo de Paris. Ambos continuam detidos.

A 14 de julho, Mohamed Lahouaiej Bouhlel conduziu um camião por dois quilómetros na Avenida dos Ingleses, em Nice, durante as celebrações da Tomada da Bastilha.

Pelo menos outras cinco pessoas já foram detidas pela polícia francesa, sob suspeita de estarem envolvidos de alguma forma no ataque. Entre elas estão a ex-mulher de Mohamed Lahouaiej-Bouhlel e um tunisino que aparentemente não tinha quaisquer ligações ao terrorismo, mas que a polícia admite ter-se radicalizado "muito depressa".