Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Trump quer colocar entraves à entrada de franceses e alemães nos EUA

  • 333

A vitória parecia certa

Chip Somodevilla

Se for eleito presidente dos norte-americanos, Donald Trump promete apertar o controlo à entrada de cidadãos franceses e alemães nos EUA. Segundo ele, têm países "minados pelo terrorismo", por sua própria culpa, já que deixarem entrar todo o tipo de imigrantes.

O candidato republicano à presidência norte-americana Donald Trump disse hoje que, se for eleito, os franceses, cujo país está minado pelo terrorismo, serão objeto de controlos mais aprofundados para poderem entrar nos EUA.

Numa entrevista hoje divulgada pela NBC, o multimilionário foi questionado acerca de um eventual alargamento da sua proposta visando restringir a entrada nos EUA de pessoas de países "em perigo devido ao terrorismo".

"Vou revelar nas próximas semanas uma lista de países" nesta situação. "Temos problemas com a Alemanha e temos problemas com a França".
Durante o mês de julho, aqueles países foram alvo de ataques terroristas reivindicados pelo movimento Estado Islâmico que provocaram dezenas de mortos.

Perante o exemplo do jornalista referindo países como a França, "em perigo devido ao terrorismo", Donald Trump respondeu: "Eles estão, totalmente". "E sabe porquê? É culpa deles. Porque eles autorizaram pessoas a entrar no seu território", afirmou.

O candidato à Casa Branca repetiu várias vezes os seus apelos à realização de "investigações aprofundadas" aos cidadãos destes países, depois ter sido muito criticado pela sua proposta de banir a entrada nos EUA aos muçulmanos de todo o mundo.

"Lembrem-se disto. A nossa Constituição é fantástica, mas não nos dá o direito de nos suicidar, ok?"