Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

O que já se sabe sobre o jovem que atacou 11 pessoas com um machado

  • 333

BASTIAN BENRATH

Aconteceu segunda-feira na Alemanha: um jovem de 17 anos atacou 11 pessoas com um machado e uma faca, fazendo cinco feridos, dois dos quais em estado grave. O Daesh diz que ele era seu combatente

O individuo que foi abatido segunda-feira à tarde após ter atacado com um machado e uma faca 11 passageiros de um comboio regional, no estado alemão da Baviera, era um jovem afegão de 17 anos que chegou sozinho à Alemanha há dois anos, segundo indicou o ministro bávaro do interior, Joachim Herrmann.

O atacante viveu numa casa de acolhimento para refugiados adolescentes até se ter mudado, há duas semanas, para a residência de uma família de acolhimento. Em março candidatara-se ao estatuto de refugiado.

O ministro bávaro referiu ainda que o jovem gritara Allahu Akbar” (“Deus é grande”) quando efetuou o ataque e que os investigadores encontraram posteriormente uma bandeira do Daesh pintada à mão no seu quarto.

O Daesh declarou entretanto que o atacante era um dos seus combatentes, numa declaração divulgada pela sua agência de informação Amaq.

Quatro dos cinco feridos foram atacados dentro do comboio e eram membros de uma família de Hong Kong – pai, mãe, filha e seu namorado –, segundo refere o “South China Morning Post”. Um quinto membro da família, um rapaz de 17 anos, conseguiu escapar ileso.

Após os passageiros terem conseguido alertar o maquinista, o comboio parou no distrito Heidingsfeld, em Würzburg. O atacante saiu da carruagem e ainda fez um quinto ferido antes de ter sido abatido pela polícia.

Além dos feridos, 14 passageiros ficaram em estado de choque, tendo sido posteriormente acompanhados por especialistas.