Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Filho de Osama bin Laden promete vingar a morte do líder da Al-Qaeda

  • 333

Bin Laden caminhando em Tora Bora

SITE Intelligence Group diz ter identificado a voz de Hamza bin Laden numa gravação áudio publicada online no domingo, sob o título “We Are All Osama”

Um dos filhos do líder da Al-Qaeda, Hamza bin Laden, foi identificado numa gravação áudio de 21 minutos divulgada no domingo a ameaçar que irá vingar-se dos Estados Unidos pela morte do seu pai, Osama bin Laden, em 2011, e pela opressão do mundo islâmico.

De acordo com o SITE Intelligence Group, que rastreia as movimentações online de grupos radicais, é Hamza bin Laden - que terá atualmente vinte e tal anos - quem se ouve a falar na gravação intitulada “We Are All Osama” (“Somos todos Osama”), a prometer dar continuidade à luta do pai.

“Vamos continuar a atacar-vos no vosso país e no estrangeiro em resposta à opressão dos povos da Palestina, Afeganistão, Síria, Iraque, Iémen, Somália e o resto das terras islâmicas que não sobreviveram à vossa opressão. Quanto à vingança da nação islâmica [pela morte] do Sheikh Osama, não será uma vingança por Osama a pessoa mas uma vingança pelos que defendem o Islão.”

Em maio, Hamza bin Laden já tinha divulgado uma outra gravação semelhante por alturas do quinto aniversário da operação das forças especiais norte-americanas em Abbottabad, no Paquistão, que conduziu à morte do seu pai e fundador da Al-Qaeda.

Documentos recuperados no complexo residencial daquela cidade, onde Bin Laden viveu escondido durante alguns anos, e que foram tornados públicos pelos EUA no ano passado mostram que os conselheiros de Osama tentaram reunir o seu líder com Hamza, que esteve sob prisão domiciliária no Irão.

Hamza vivia com o pai no Afeganistão antes dos atentados de 11 de setembro de 2001, tendo passado igualmente algum tempo com ele no Paquistão já depois da invasão do Iraque e do Afeganistão pelas tropas norte-americanas e aliados em 2003.