Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Primeiro-ministro canadiano desfila na Parada do Orgulho Gay em Toronto

  • 333

Ian Willms/Getty Images

Agitando uma bandeira com o símbolo nacional e as cores do movimento LGBT, Justin Trudeau percorreu as ruas de Toronto distribuindo apertos de mão e sorrisos

Conhecido pelo estilo pouco convencional e pelos gestos frequentes de abertura às minorias, o primeiro-ministro canadiano voltou a surpreender ao desfilar este domingo na Parada do Orgulho Gay de Toronto, uma das maiores do mundo.

Descontraído, vestindo uma camisa salmão e calças de ganga claras, Justin Trudeau foi recebido com uma chuva de aplausos, repetidos enquanto o primeiro-ministro caminhava, agitando uma bandeira com a folha de plátano, símbolo nacional, e as cores do arco-íris –marca do movimento LGBT.

Entre selfies e apertos de mãos distribuídos ao longo do trajeto da marcha, Trudeau tornou-se o primeiro chefe de governo em exercício no país a participar no evento (no ano passado Trudeu marcou presença, mas apenas como líder do Partido Liberal).

Como seria de esperar, as imagens enchem os jornais desta segunda-feira e são notícia, ao contrário do que o próprio afirmara antes, dizendo à comunicação social que a presença de governantes numa marcha que comemora as comunidades LGBT “não devia ser grande coisa”.

Durante a parada, cujo número oficial de participantes não foi divulgado, cumpriu-se um minuto de silêncio em memória das vítimas do massacre de 12 de junho, em Orlando, Estados Unidos.