Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

CGD: Draghi escusa-se a comentar a Caixa

  • 333

Ralph Orlowski/Reuters

O Presidente do Banco Central Europeu escusou-se hoje a responder a várias questões sobre a Caixa Geral de Depósitos. Mario Draghi sugeriu ao eurodeputado do PSD José Manuel Fernandes que colocasse as perguntas ao Mecanismo Único de Supervisão

Questionado esta tarde, no Parlamento Europeu, sobre a CGD, Mário Draghi contornou todas as questões. O eurodeputado José Manuel Fernandes perguntou ao Presidente do Banco Central Europeu, “se o BCE pediu ou deu instruções ao governo de Portugal para acabar com o limite máximo de remuneração dos administradores da CGD” e qual era a “necessidade de se injetar de 4 mil milhões de euros do dinheiro dos contribuintes na Caixa”.

Draghi pediu desculpa e empurrou as perguntas para o Mecanismo Único de Supervisão, de Danièle Nouy. “Lamento, mas esta pergunta terá uma melhor resposta do Mecanismo Único de Supervisão do que do Comité Europeu de Risco Sistémico. Nós nunca discutimos isto”.

Mário Draghi falava na comissão parlamentar de Assuntos e Económicos, na qualidade de Presidente daquele Comité, onde garante que o assunto da Caixa não foi discutido.

No rol de questões do eurodeputado do PSD estava ainda a possibilidade de despedimentos de trabalhadores do banco público e a redução da implementação territorial da CGD.