Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Messi responde a acusações de fraude fiscal em tribunal de Barcelona

  • 333

Alberto Estevez/EPA

Internacional argentino é suspeito de não ter declarado mais de quatro milhões de euros ao fisco espanhol entre 2007 e 2009

O internacional argentino Lionel Messi vai ser ouvido esta quinta-feira num tribunal espanhol sobre as suspeitas de ter fugido aos impostos em Espanha, onde joga no Barcelona, lesando o Estado em mais de quatro milhões de euros entre 2007 e 2009.

As autoridades do país alegam que um dos mais famosos jogadores de futebol do mundo recorreu a dois paraísos fiscais, no Belize e no Uruguai, para esconder lucros com direitos de imagens, num caso de fraude fiscal que foi reforçado por novas suspeitas reveladas no caso Panama Papers, pela mão do Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação, do qual o Expresso faz parte.

A Autoridade Tributária de Espanha exige que Messi seja sujeito a pesadas multas e a sentenças de prisão. Tanto o jogador como o seu pai, acusado de conivência no caso de fraude fiscal, desmentem todas as acusações.

O julgamento de ambos começou na terça-feira e deverá terminar hoje ao final do dia. O veredicto deverá ser conhecido na próxima semana.