Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Tiroteio em universidade de Los Angeles faz dois mortos

  • 333

Imagens vídeo das câmaras de segurança da universidade mostram elementos da polícia a percorrer o interior da escola à procura do atirador

Kara Leung / UCLA / REUTERS

O tiroteio ocorreu a uma semana dos exames finais na Universidade da Califórnia, onde estudam cerca de 43.000 alunos. Autoridades ainda não conseguiram apanhar o autor dos disparos

Manuel Cavazza e Lusa

Um tiroteio ocorrido na Universidade da Califórnia, na cidade norte-americana de Los Angeles, depois das 10h locais (18h em Lisboa), fez pelo menos duas vítimas mortais, confirma uma fonte da instituição. A polícia está no local à procura do possível atirador.

"Temos a confirmação até agora de que duas pessoas foram mortas", ambas do sexo masculino, de acordo com indicações à agência France Presse e à agência espanhola EFE por parte da polícia, que acrescentou não ser ainda clara a identidade das vítimas.

A polícia continua no local, a realizar buscas no 'campus' universitário para tentar encontrar o presumível atirador, que usava casaco e calças pretas.

Por motivos de segurança, todo o complexo universitário da UCLA foi colocado em isolamento.

Vários meios de comunicação social locais avançam que o tiroteio terá ocorrido no edifício de engenharia da universidade.

Dezenas de carros da polícia e equipas de reação imediata foram destacados para o 'campus'. Os estudantes e todos os funcionários receberam ordens para encontrarem um lugar seguro e permanecerem nesse local até novas ordens.

O tiroteio ocorreu a uma semana dos exames finais na universidade, onde estudam cerca de 43.000 alunos.

[Notícia atualizada às 20h25]