Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Líder dos talibãs terá morrido durante ataque aéreo dos EUA

  • 333

O líder dos talibãs terá sido morto durante um raide aéreo junto à região da fronteira entre o Paquistão e o Afeganistão

O líder dos talibãs no Afeganistão, Mullah Akhtar Mansour, terá morrido durante um ataque aéreo levado a cabo pelos EUA junto à fronteira com o Paquistão.

Segundo a Reuters, o ataque – que foi autorizado por Barack Obama – ocorreu na madrugada desta sexta-feira na cidade de Ahmad Wal, junto à fronteira entre o Paquistão e o Afeganistão.

“Estamos ainda a avaliar os resultados do ataque e daremos mais informações assim que for possível”, declarou o porta-voz do Pentágono, Peter Cook, sublinhando que o líder dos talibãs terá sido “muito provavelmente morto” durante uma série de raides.

O responsável referiu ainda que Mullah Mansour tem sido “obstáculo para a paz e a reconciliação entre o Afeganistão e o talibãs, proibindo líderes de participarem em conversações de paz que poderiam chegar ao fim do conflito.”

Foi no verão passado que Mullah Mansour, que já era considerado uma figura-chave dos talibã, foi escolhido para liderar o grupo terrorista no Afeganistão, sucedendo a Mullah Mohammad Omar, que morreu na sequência de um tiroteio no Paquistão.