Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Trump diz que abre exceção e deixa entrar nos EUA novo mayor de Londres

  • 333

BRENDAN SMIALOWSKI/Getty

Candidato à Casa Branca manifestou-se “feliz” com a eleição de Sadiq Khan como autarca da capital britânica e garantiu que caso seja eleito Presidente dos EUA abrirá exceções para a entrada de muçulmanos no país. “Não é só sobre mim. É sobre os meus amigos, a minha família e todos aqueles que têm antecedentes semelhantes ao meus, em qualquer parte do mundo”, respondeu o novo mayor de Londres

Depois de o novo mayor de Londres ter afirmado, em entrevista à revista “Time”, que pretendia visitar em breve os EUA — antes que Donald Trump pudesse ser eleito —, o candidato republicano à Casa Branca assegurou que abrirá uma exceção e deixará entrar no país Sadiq Khan.

“Haverá sempre exceções”, disse Donald Trump, referindo-se à proibição que pretende introduzir no país relativamente à entrada de muçulmanos.

Trump garantiu ainda que ficou “feliz” com a eleição de Sadiq Khan como autarca da capital britânica, sublinhando esperar que possa levar a cabo uma boa governação. “Penso que a sua eleição é uma coisa muito boa e espero que faça um bom trabalho porque francamente isso seria muito muito bom”, acrescentou.

Entretanto, o novo mayor de Londres já reagiu à resposta de Trump, afirmando que não será suficiente abrir exceções e que o candidato norte-americano demonstra um total deconhecimento sobre o Islão. “Não é só sobre mim. É sobre os meus amigos, a minha família e todos aqueles que têm antecedentes semelhantes ao meus, em qualquer parte do mundo”, disse Sadiq, citado pelo “Independent”.

Jack Taylor/Getty

Sadiq Khan alertou ainda que “a visão ignorante de Donald Trump sobre o Islão poderia tornar ambos os países menos seguros, havendo o risco de alienar a maioria dos muçulmanos à volta do mundo e de colocá-los nas mãos dos extremistas. Trump e todos aqueles que à sua volta acreditam que os valores liberais do Ocidente são incompatíveis com a maioria do Islão viram agora que estavam errados. Londres provou isso”, sustentou.

Sadiq Khan acredita que Trump não vencerá eleições

Em entrevista à revista “Time”, este domingo, o novo mayor de Londres — que prometeu ser o autarca de todos os londrinos e de ajudar a derrubar preconceitos — manifestou a intenção de visitar em breve os EUA, antes que Donald Trump pudesse ser eleito Presidente do país. “Se Donald Trump se tornar o Presidente eu serei impedido de lá ir em virtude da minha fé. Mas estou confiante de que a perspetiva política de Trump não irá vencer na América”, sublinhou.

Na passada sexta-feira, Sadiq Khan, deputado do Partido dos Trabalhistas, foi eleito o novo autarca de Londres com mais de 44% dos votos eleitores. O seu principal rival era o conservador Zac Goldsmith.

Foi no final do ano passado, que Donald Trump anunciou que pretendia proibir temporariamente a entrada de muçulmanos nos EUA, na sequência dos ataques em São Bernardino, na Califórnia, e em Paris. O candidato presidencial alegou que essa medida visa proteger o país de eventuais ataques terroristas por parte de “pessoas que acreditam na jihad” e “não têm nenhum respeito pela vida humana” e que deverá vigorar até que os legisladores encontrem uma forma de combater esse perigo.