Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Japão tem mais postos de recarga para veículos elétricos que estações de abastecimento de combustível

  • 333

Miles Willis/GettyImages

Estudo da Nissan revela o que os especialistas acreditam ser uma tendência

Com o número de postos de recarga para veículos elétricos a ultrapassar os existentes para o abastecimento de combustível, o Japão lidera o que os especialistas acreditam ser uma tendência.

De acordo com um estudo da Nissan, o país dispõe de 40 mil postos de recarga para carros elétricos, contra 35 mil estações de serviço tradicionais. Os números refletem as políticas assumidas pelo governo japonês, de incentivo à compra de veículos elétricos, híbridos ou modelos menos poluentes.

É certo que há vozes críticas, que chamam a atenção para o facto de parte desses postos corresponderem a pontos privados, ao serviço de apenas um utilizador, mas a isto respondem os especialistas do sector, garantindo que no futuro se desenvolverão redes de partilha e, mesmo, novas aplicações para que os proprietários dos veículos elétricos encontrem mais facilmente os postos de recarga mais próximos da sua localização.

O avanço japonês neste domínio é indiscutível. Basta comparar com os dados dos Estados Unidos, onde a proporção é de 114.500 postos tradicionais para cerca de 9 mil para veículos elétricos.

O país é um exemplo que aos poucos está a ser seguido noutros locais e por empresas como a Tesla — a desenvolver neste momento a sua própria rede de estações nos EUA, Japão, China e na Europa — e pela BMW, que recentemente anunciou a sua intenção de abrir postos deste tipo nas autoestradas mais movimentadas no território norte-americano.