Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Britânico tira foto com sequestrador do avião da EgyptAir

  • 333

Tirar um foto com o sequestrador? Sim, é bizarro mas aconteceu esta terça-feira. Ben Innes era um dos passageiros do avião da EgyptAir que foi sequestrado por um homem que queria “contactar a ex-mulher” cipriota

“Achei que mesmo que o cinto de explosivos fosse real não tinha nada a perder”, afirma Ben Innes ao jornal “The Sun”. O auditor de saúde britânico, de 26 anos, era um dos 62 passageiros do avião da EgyptAir, que foi sequestrado esta terça-feira por Seif El Din Mustafa, um egípcio que impediu o voo MS181 de aterrar no Cairo e durante o sequestro resolveu tirar uma foto com o pirata do ar e o que se acreditava ser um cinto de explosivos.

Segundo explicou ao jornal britânico, Ben dirigiu-se à cabine da tripulação e pediu para que um dos tripulantes traduzissem o seu pedido ao sequestrador. Ele aceitou. Uma hospedeira registou então aquele momento tirando uma fotografia do passageiro com o pirata do ar. “Não sei bem por que eu fiz isto, mas era também uma tentativa para ficar alegre face à adversidade”, acrescenta.

Apesar das críticas de algumas pessoas e do susto causado à mãe, Ben foi elogiado por vários amigos e desconhecidos nas redes sociais. “Só mesmo o Ben poderia tirar esta selfie. #Orgulho”, escreveu Sarah Innes no Twitter.

A ameaça de bomba a bordo do avião da EgyptAir, que partiu da Alexandria com destino ao Cairo, obrigou esta terça-feira o avião a desviar a rota para o Chipre. O aeroporto de Larcana foi encerrado e o aparelho foi forçado a aterrar numa zona isolada do local.

Pouco depois do incidente, o Presidente cipriota, Nicos Anastasiades, declarou que não se tratava de um caso de terrorismo, mas um episódio relacionado com “questões pessoais” do sequestrador.

Um porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros do Chipre confirmou mais tarde a tese. “Ele não é um terrorista, é um idiota. Os terroristas são loucos, mas não são estúpidos. Este tipo é estúpido”.

Do lado do sequestrador a justificação foi insólita. Seif El Din Mustafa alegou que desviou o avião, porque queria apenas “contactar a ex-mulher” que vive atualmente no Chipre.

  • Como é que um homem conseguiu sequestar um avião para chamar a atenção da ex-mulher?

    Portugal acordou segunda-feira a saber que uma turista na Madeira se atirou ao mar para tentar apanhar a nado o cruzeiro onde seguia o marido. Esta terça-feira, o mundo despertou em sobressalto com a notícia de que um avião da EgyptAir tinha sido sequestrado, sabendo-se depois que foi protagonizado por um “tipo estúpido” que queria falar com a ex-mulher. O caso na Madeira foi estranho, o desta terça-feira ainda mais. Os passageiros sobreviveram ao susto - não houve feridos -, mas as perguntas ficam no ar: como é que um incidente destes a bordo de um avião acontece, sobretudo agora que a segurança nos aviões é prioridade máxima?

  • Homem desvia airbus da EgyptAir para Chipre “por motivos pessoais”

    Airbus A320 aterrou ao início da manhã no aeroporto cipriota de Larnaca como exigido pelo pirata do ar. TV estatal cipriota tinha identificado suspeito como sendo Ibrahim Samaha, um cidadão egípcio que afinal é um dos passageiros que já foi libertado. Informações iniciais davam conta de que homem desviou o avião para exigir asilo em Chipre, mas afinal estará a "tentar contactar a ex-mulher" que vive na ilha