Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Trump: “Mitt é um candidato falhado. Ele falhou. E falhou de forma horrível”

  • 333

Donald Trump e Mitt Romney, em 2012

MICHAEL NELSON/EPA

Depois de Mitt Romney ter dito que Trump é um “impostor”, Trump contra-ataca. E diz que Romney lhe implorou que que apoiasse a sua candidatura presidencial em 2012

Helena Bento

Jornalista

Mitt Romney acusou esta quinta-feira Donald Trump de ser uma “fraude”, um “impostor” e de “fazer dos americanos parvos” e a resposta do magnata do imobiliário não tardou em chegar. “Eu podia ter dito: Mitt, ajoelha-te. E ele iria ajoelhar-se”, disse Trump, referindo-se às eleições presidenciais de 2012, em que o ex-governador do Massachusetts alegadamente "implorou" ao magnata que apoiasse a sua candidatura. "Mitt é um candidato falhado. Ele falhou. E falhou de forma horrível", disse Trump.

Além de se ter referido ao magnata naqueles termos, Mitt Romney, que discursava no Hinckley Institute of Politics da Universidade de Utah, apelou aos norte-americanos para fazerem a "escolha certa", que passa por não apoiar Donald Trump na corrida à Casa Branca. O ex-candidato presidencial que em 2012 foi derrotado por Barack Obama alertou ainda para as consequências nefastas - para as famílias e trabalhadores - que resultarão de uma eventual vitória de Trump, que, além disso, apresenta propostas "extremamente imprudentes" na área da política externa.

Empenhado em manter-se à tona nesta troca de insultos, Mitt Romney respondeu entretanto às alegações de Trump, garantindo que se o magnata fosse em 2012 o que é agora e se dissesse naquele ano o que diz agora - sobre o Ku Klux Klan, os muçulmanos, os mexicanos e as pessoas com deficiência - nunca teria aceitado o seu apoio.