Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Colisão de comboios na Alemanha. Número de mortos sobe para dez

  • 333

MICHAEL DALDER/REUTERS

Entre as vítimas mortais, encontram-se os condutores dos dois comboios e dois revisores. As causas do acidente ainda estão por apurar, mas as primeiras informações apontam para erro humano ou problemas técnicos. A descoberta da terceira caixa negra (as outras duas foram já encontradas) vai permitir perceber o que aconteceu

Helena Bento

Jornalista

O número de mortos que resultaram do embate, esta terça-feira, entre dois comboios perto da cidade de Bad Aibling, no estado da Baviera, na Alemanha, subiu para 10, de acordo com o último balanço oficial.

Entre as vítimas mortais, encontram-se os condutores dos dois comboios e dois revisores. O acidente deixou ainda cerca de 100 pessoas feridas, sendo que pelo metade se encontra em estado grave. Há ainda uma pessoa desaparecida, segundo a polícia alemã.

Esta terça-feira, cerca das 7h locais (6h em Lisboa), dois comboios da companhia Meridian colidiram de frente numa linha única entre Rosenheim e Holzkirchen. O acidente ocorreu numa curva. As causas ainda estão por apurar, mas as primeiras informações apontam para erro humano ou problemas técnicos, como uma falha no sistema automático que assegura a mudança de via. O ministro dos Transportes federal, Alexander Dobrindt, explicou que no troço em que ocorreu o acidente é possível chegar aos 120 km/h, e que o mais provável é que os condutores, devido à velocidade a que circulavam, não tenham estabelecido contacto visual, acabando por embater.

Em todo o caso, será necessário averiguar por que razão o sistema de prevenção que obriga os comboios a travar imediatamente neste tipo de situações não foi acionado. A bordo dos dois comboios encontravam-se 150 passageiros. Duas das três caixas negras foram entretanto recuperadas. Espera-se que a terceira seja encontrada ainda esta terça-feira.