Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Afinal Aung San Suu Kyi poderá ser a próxima Presidente da Birmânia

  • 333

NYEIN CHAN NAING

“The Guardian” fala em “negociações positivas” entre Liga Nacional para a Democracia (LND) da Nobel da Paz e o exército birmanês

Dois canais de televisão birmaneses avançam esta segunda-feira que negociações nos últimos dias entre a Liga Nacional para a Democracia (LND), de Aung San Suu Kyi, e membros do exército birmanês que governou o país durante décadas poderão permitir que a histórica líder da oposição e Nobel da Paz seja considerada uma candidata válida à presidência. Dado que a sua LND detém, neste momento, maioria parlamentar, Suu Kyi tornar-se-á assim na provável sucessora de Thein Sein.

De acordo com o "The Guardian", que cita os dois canais locais, a LND e os militares têm estado a negociar a anulação da cláusula introduzida na Constituição que impede que birmaneses com filhos de outras nacionalidades, como é o caso de Suu Kyi, sejam candidatos válidos à presidência — uma medida que os analistas apontam ter sido desenhada para bloquear a provável candidatura da líder da oposição.

A notícia surge na mesma manhã em que o parlamento birmanês marcou para 17 de março o arranque do processo de nomeação do próximo Presidente da Birmânia, que vem suceder a Thein Sein, no seguimento das eleições gerais de novembro passado que deram uma vitória estrondosa e histórica à LND.