Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Homem armado detido na Disneyland Paris vai a tribunal na terça-feira

  • 333

O hotel onde o homem foi detido

BERTRAND GUAY/ Getty Images

A mulher que foi apontada como cúmplicie foi ouvida pelas autoridades, tendo sido excluída qualquer hipótese de cumplicidade no caso. Ministério Público excluiu na sexta-feira qualquer ligação com atos terroristas

O homem de 28 anos detido na quinta-feira num hotel na Disneyland Paris na posse de duas armas vai ser julgado na terça-feira por transporte e posse de armas e munições, anunciou hoje o Ministério Público de Meaux.

"O homem será julgado imediatamente", acrescenta o comunicado do Ministério Público de Meaux, arredores de Paris, citado pela AFP.

O detido encontra-se em prisão preventiva até à comparência em tribunal, que o poderá condenar a uma pena entre os cinco anos de prisão e 75 mil euros de multa.

Apesar de a França permanecer sob ameaça terrorista, o Ministério Público excluiu na sexta-feira qualquer ligação com atos terroristas.

Aos investigadores, o homem de 28 anos, convertido ao Islão, explicou que tinha consigo as duas armas automáticas de pequeno calibre, propriedade sua há muito tempo, por não as poder deixar em casa da sua mãe em Paris, com quem reside atualmente, relatou à AFP uma fonte policial.

Ouvida pela polícia, a mãe do detido confirmou as declarações.

A companheira do detido também foi ouvida, tendo sido excluída qualquer hipótese de cumplicidade no caso.

O homem foi detido depois de as armas que transportava consigo terem sido detetadas por um aparelho de raio-x no hotel onde havia feito uma reserva.

Na mala a polícia encontrou duas armas de pequeno porte, munições e um exemplar do Corão.