Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Carnaval 2016: Rio de Janeiro espera mais de um milhão de turistas

  • 333

YASUYOSHI CHIBA/ Getty images

Os visitantes deverão gastar cerca de 690 milhões de euros apenas durante os dias 5 e 9 de fevereiro. A organização prevê que já estejam vendidos 80% dos bilhetes das arquibancadas - cada um custa perto de 50 euros

A cidade do Rio de Janeiro, considerada a capital brasileira do samba, espera receber 1.026 milhões de turistas durante o carnaval, que neste ano se celebra entre os dias 5 e 9 de fevereiro.

Segundo a Riotur, órgão ligado à câmara municipal da cidade, os visitantes deverão gastar cerca de 3 mil milhões de reais (690 milhões de euros) na economia carioca.

Uma estimativa da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH-RJ) indica que a ocupação dos hotéis no carnaval carioca deverá chegar aos 85%, mais que os 83,8% registados em 2014.

Relativamente à festa, o governo carioca garante que entre dos blocos de rua aos camarotes exclusivos da avenida Marquês de Sapucaí, onde se situa o "Sambódromo", existem opções para todos os gostos.

Em 2016, a prefeitura confirmou a participação de 482 blocos, que desfilam em todas as regiões da cidade em horários diversificados e como não é preciso pagar para acompanhar os carros de som e a massa de foliões fantasiados, estas atrações são muito populares.

Entre os blocos tradicionais da cidade destacam-se as Carmelitas, que sai na sexta-feira (dia 05), a Banda de Ipanema, que se apresenta no sábado de carnaval, o Simpatia é Quase Amor, no domingo, o Sargento Pimenta, na segunda-feira e a Orquestra Voadora, na terça-feira.
Já as escolas de samba desfilam no "Sambódromo" da Marques de Sapucaí no domingo e na segunda-feira. Este ano, os bilhetes para as arquibancadas têm preços que variam de 220 reais (49,30 euros) a 320 reais (71 euros).

Os organizadores do evento informaram que mais de 80% das entradas das arquibancadas já foram vendidas, mas para os camarotes ainda existem lugares disponíveis, com preços variados.

O Morro da Urca, um dos cartões postais do Rio de Janeiro, será palco de festas durante o carnaval, em que além dos blocos de rua, bailes com fantasia e 'disc-jockey' estão previstos no local.

O Cristo Redentor, terá um esquema especial de funcionamento no carnaval, ficando aberto para visitantes entre as 8h e as 17h.

Para conhecer esse ponto turístico é preciso comprar bilhete na Internet ou na bilheteira em Copacabana, na Praça do Lido, por 64 reais (14,3 euros).

Os idosos com mais de 60 e crianças com idades entre os cinco e os 11 anos pagam apenas 40 reais (nove euros) pelo transporte.

Praias famosas como Copacabana, Ipanema, Leblon, Barra da Tijuca e recantos menos conhecidos como a Prainha, Joatinga, Reserva e a praia nudista Abricó, também são opções muito procuradas durante a festa.

A Riotur informou que o Píer Mauá, onde os navios aportam ao chegarem no Rio de Janeiro, deverá bater o recorde de atracações.

No domingo de carnaval o local receberá 11 navios. Entre os dias 6 e 13 de fevereiro, aproximadamente 130 mil pessoas devem transitar pelo terminal.