Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Adolescente palestiniana abatida por atacar guarda israelita

  • 333

Jovem de 13 anos tentou atacar um agente israelita com uma faca. Este tipo de ataques têm sido frequentes na Cisjordânia

Uma adolescente palestiniana foi abatida a tiro esta sexta-feira na Cisjordânia, após ter tentado atacar um guarda israelita.

Na tentativa de defesa, “o agente abriu fogo e feriu-a gravemente. Pouco depois, os médicos perceberam que a menina tinha morrido”, disse a polícia em comunicado.

A jovem, de 13 anos, identificada como Ruqaya Abu Eid tinha discutido com a família e saído de casa em Anatot - uma colónia judaica local - com uma faca na mão, admitindo que estava disposta a morrer. Mas aparentemente ninguém ligou à ameaça.

Este tipo de ataques perpetrados por jovens têm sido frequentes na Cisjordânia. Ainda na última semana, um jovem palestiniano, de 15 anos, assassinou com facadas uma mulher israelita, enquanto outro cidadão palestiniano, de 17 anos, feriu uma mulher grávida com uma arma branca.

Desde o passado dia 1 de outubro, pelo menos 150 palestiniamos e 24 israelitas morreram - a maioria em ataques levados a cabo com facas.