Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

O assalto falhado dos militantes da antiga Fação do Exército Vermelho

  • 333

BKA/EPA

Investigadores suspeitam que os membros do antigo grupo de extrema-esquerda – cujas ações de “guerrilha urbana” causaram mais de 30 mortos nos anos 1970-80 – estão a ficar sem dinheiro e a levar a cabo novos assaltos

A polícia alemã anunciou que três militantes da antiga Fação do Exército Vermelho tentaram fazer um assalto em junho do ano passado no norte da Alemanha, tendo deixado dois seguranças feridos.

Através dos vestígios de ADN e de impressões digitais, a polícia identificou Ernst-Volker Staub, atualmente com 58 anos, Daniela Klette, de 57, e Burkhard Garweg, cuja idade é desconhecida, como responsáveis pelo assalto fracassado a uma carrinha de segurança de transporte de valores.

Deslocando-se numa carrinha Volkswagen, o trio bloqueou a carrinha de segurança, que tentou assaltar com o uso de espingardas Kalashnikov. Os assaltantes dispararam pelo menos três tiros mas não conseguiram abrir a porta da carrinha, acabando por fugir do local sem concretizar o roubo.

A Fação do Exército Vermelho, também conhecida como gangue Baader-Meinhof, levou a cabo nos anos 1970-80 diversas ações de “guerrilha urbana” que causaram mais de 30 mortos.

Os investigadores suspeitam que, com o passar dos anos, os membros do grupo estão a ficar sem dinheiro e estão a levar a cabo novos roubos para financiarem novas ações.