Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Trump diz que Clinton não pode usar a “cartada das mulheres” devido ao historial do marido

  • 333

CJ GUNTHER/EPA

Hillary Clinton havia acusado o seu eventual rival nas presidenciais de ter uma “inclinação para o sexismo”, Donald Trump respondeu dizendo que o “terrível historial de abuso de mulheres” do seu marido não lhe permite esse tipo de argumentação

“Se Hillary pensa que pode desvincular-se do marido, com o seu terrível historial de abuso de mulheres, ao mesmo tempo que joga contra mim a cartada das mulheres, ela está enganada!”, escreveu Donald Trump na sua conta no Twitter, dando continuidade a uma troca de argumentos entre os eventuais candidatos rivais às presidenciais de 2016 em torno de questões de género e discriminação sexual.

Numa recente entrevista, a candidata às primárias no Partido Democrata dissera que Trump havia “demonstrado uma inclinação para o sexismo”, em referência às declarações em que este usara linguagem vulgar para criticar a campanha em que Hillary Clinton perdera para Barack Obama em 2008. “Realmente, deploro o tom da sua campanha, a retórica inflamatória que utiliza para dividir as pessoas e a sua marcha contra grupos de pessoas com uma retórica odiosa e incendiária”, afirmou.

O excêntrico candidato às primárias no Partido Republicano começou por responder que considera verdadeiramente “inapropriado” que Hillary Clinton tenha anunciado ir “permitir o seu marido surgir na campanha, apesar da sua inclinação para o sexismo”, acrescentando horas mais tarde as referências aos “abusos” do ex-presidente.