Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Pelo menos 25 mortos em incêndio em hospital na Arábia Saudita

DIRECTORATE OF THE SAUDI ARABIAN CIVIL DEFENSE

O incêndio, cujas causas estão ainda por apurar, deflagrou no primeiro andar do hospital, junto à maternidade e unidade de cuidados intensivos. O incidente gerou uma onda de críticas nas redes sociais

Helena Bento

Helena Bento

Jornalista

Um incêndio ocorrido esta madrugada num hospital da cidade portuária de Jizan, no sudoeste da Arábia Saudita, causou a morte a pelo menos 25 pessoas e feriu outras 107, segundo o balanço mais recente das autoridades sauditas.

Segundo o "The Guardian", que cita o diário "Alriyadh", o alerta foi dado às 2h. O incêndio no Hospital Geral de Jizan, cujas causas estão ainda por apurar, terá deflagrado no primeiro andar, junto à maternidade e unidade de cuidados intensivos.

Fonte da proteção civil da cidade, citada pelo jornal britânico, disse que o fogo foi extinto com a ajuda de 21 equipas da proteção civil.

O incidente gerou uma onda de críticas nas redes sociais, sobretudo no Twitter. Um utilizador identificado como Ahmed, citado pelo "The Guardian", acusou o Governo de ter negligenciado a província de Jizan "durante décadas", sobretudo os seus hospitais, com infraestruturas consideradas deficientes para responder às necessidades da população local.