Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

“Dá felicidade ao mundo, estejas onde estiveres”. Há presos do Malawi entre os nomeados aos Grammy

  • 333

Getty Images

São cerca de 70 homens e mulheres que enfrentam, em muitos casos, condenações perpétuas por homicídios e roubos, mas também por acusações de bruxaria e homossexualidade. Em fevereiro, podem passar a ser os vencedores de um Grammy, na categoria Música do Mundo

Este ano, entre os nomeados para os prémios Grammy encontra-se um grupo do Malawi responsável pelo álbum “I Have No Everything Here”, na categoria World Music (Música do Mundo). Até aqui, nada de anormal, mas há uma particularidade a destacar nesta história: é que este grupo chama-se Zomba Prison Project e é composto exclusivamente por presos de um estabelecimento de segurança máxima daquele país.

O grupo, composto por cerca de 70 homens e mulheres que enfrentam, em muitos casos, sentenças de prisão perpétua, contou com os instrumentos mais básicos - aqueles disponibilizados pelo estabelecimento prisional - para gravar as 20 canções lançadas em janeiro, 18 das quais compostas pelos próprios prisioneiros.

O produtor do projeto, Ian Bennan, admitiu à estação televisiva Al-Jazeera estar “em choque” com a notícia: “Os prémios têm tido um foco tão grande em celebridades e, ironicamente, esta categoria tem-se tornado tão previsível, (…) que um grupo de indivíduos desconhecidos conseguir esta nomeação acaba por ser muito mais do que a concretização de um objetivo”.

Apesar de classificar o álbum como “uma ideia para perder dinheiro”, Brennan explica ainda que o projeto já gerou lucros suficientes para alguns dos presos poderem contratar advogados e, nalguns casos, conseguirem mesmo a ilibação. Até porque, de acordo com o produtor, por entre vários casos de homicídio ou roubo, existem condenações “mais questionáveis” como as de bruxaria ou as relacionadas com homossexualidade.

O álbum combina sons suaves de guitarra com letras que chamam a atenção, cantadas em Chichewa, uma das línguas oficiais do país: “Partilha com a terra a tua felicidade/ Dá felicidade ao mundo, estejas onde estiveres/ Tenta mostrar felicidade todos os dias a quem te rodeia”, ouve-se no tema “Don't Hate Me” (Não me Odeies).