Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Alemanha deteve homem que poderá ter armado terroristas de Paris

  • 333

GETTY

Quatro espingardas de assalto utilizadas nos atentados que causaram 130 mortos no dia 13 de novembro podem ter sido vendidas pela internet. Os procuradores da cidade alemã de Estugarda detiveram um indivíduo de 34 anos

Os procuradores da cidade alemã de Estugarda anunciaram esta sexta-feira a detenção de um homem de 34 anos, que segundo o jornal alemão “Bild” é suspeito de ter vendido quatro espingardas de assalto utilizadas nos atentados que causaram 130 mortos a 13 de novembro em Paris. A notícia é avançada pelo jornal alemão “Bild”

“Posso confirmar que o homem está detido sob suspeita de venda de armas”, disse à agência Reuters um porta-voz do procurador na cidade de Baden-Wuerttemberg, que no entanto não confirma a suposta ligação aos atentados parisienses.

O “Bild” escreve que os procuradores acreditam que o indivíduo tenha vendido armas utilizadas nos atentados. Segundo o jornal alemão, a 7 de novembro o homem detido terá vendido, através da internet. quatro espingardas de assalto – duas AK-47 fabricadas na China e duas Zasatva M70 da antiga Jugoslávia – a um comprador de “origem árabe”.

Quatro emails encontrados no seu smartphone indicaram que ele esteve em contatco com um “árabe em Paris”, refere ainda o “Bild”.