Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Foo Fighters, Motörhead e Deftones já não vão atuar em Paris

  • 333

A banda de Davr Grohl cancelou todos os concertos da sua digressão europeia

Justin Sullivan

Primeiro foram os U2, no sábado; agora sucedem-se as notícias de bandas que estão a cancelar concertos agendados para a capital francesa. Os Deftones iam tocar neste fim de semana no Bataclan

Depois de se saber que os fãs dos Eagles of Death Metal, a banda que atuava no Bataclan, em Paris, quando se deram os atentados desta sexta-feira, estão a tentar colocar o grupo no topo das vendas no Reino Unido, surgem novas repercussões no panorama musical. É que, de acordo com as informações reveladas pelo jornal britânico “The Guardian”, Motörhead, Deftones and Foo Fighters já cancelaram os concertos que tinham marcados na capital francesa.

A banda norte-americana Foo Fighters decidiu cancelar todos os espetáculos no âmbito da sua digressão europeia, justificando a tomada de posição “à luz desta violência sem sentido”. Já o grupo de metal Motörhead, que iria atuar em Paris este domingo, decidiu reagendar o espetáculo para janeiro do próximo ano.

Também os Deftones, que se encontravam em Paris na altura em que os ataques terroristas ocorreram, decidiram cancelar os concertos marcados para domingo e segunda-feira, uma vez que iriam atuar no Bataclan.

A mesma decisão já tinha sido tomada pelos U2, que supostamente iriam atuar na capital francesa no sábado passado. No entanto, a banda de Bono Vox deslocou-se ao memorial que está instalado perto do Bataclan para prestar homenagem às vítimas do massacre, tendo o vocalista e ativista de direitos humanos declarado estar ansioso por voltar a tocar em Paris.