Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

A França teve o seu 11 de Setembro. Análise do editor de Internacional do Expresso

  • 333

Os ataques de 13 de novembro na capital francesa mostram que se pode morrer em Paris como em Beirute ou Bagdade. Emergiu um novo tipo de terrorismo, sem alvos simbólicos. Ataca-se indiferentemente a multidão e isto significa uma viragem. Outro ponto em que vale a pena refletir é que pela primeira vez na história do terrorismo na Europa há casos de bombistas suicidas. Veja o vídeo