Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Sonha ser como Neil Armstrong? A NASA dá-lhe a oportunidade

  • 333

A astronauta Sunita Williams em missão

NASA

Destino: Marte. Os candidatos devem ter uma licenciatura em engenharia, biologia, física ou matemática e experiência em pilotagem de aeronaves a jato

Quer ser um dos primeiros a pisar Marte? Então esta é a oferta de emprego ideal. A NASA está à procura de astronautas para integrar uma futura missão ao planeta vermelho. O anúncio foi publicado esta quarta-feira na página oficial da agência norte -americana.

“Este novo grupo de norte-americanos exploradores do espaço vão inspirar a geração Marte a ir mais além e ajudar-nos a deixar marcas das nossas botas no planeta vermelho”, disse o administrador da NASA Charles Bolden.

Provavelmente grande parte das pessoas que estão a ler este texto não se poderão candidatar, isto porque uma das exigências é ser cidadão dos Estados Unidos da América. Além desta, o aspirante a astronauta deverá ainda ter uma licenciatura em engenharia, biologia, física ou matemática. É “desejável que tenha um grau académico avançado”, lê-se no comunicado. O candidato deve ainda ter “pelo menos três anos” de experiência ou “pelo menos mil horas” de “pilotagem ao comando de aeronaves a jato”. Preenche este requisitos? Então pode candidatar-se aqui.

As candidaturas estão disponíveis a 14 de dezembro e encerram em meados de fevereiro.

A “nova turma”, que só será apresentada lá para meio de 2017, tem como destino o planeta vermelho. “Com mais naves espaciais tripuladas a serem desenvolvidas nos EUA do que nunca, os futuros astronautas serão lançados novamente da Space Cost, na Flórida, (…) e levarão a cabo profundas missões de exploração que prevê uma futura missão tripulada a Marte”, acrescenta o comunicado.

Mas antes destes astronautas “continuarem o trabalho vital desenvolvido nos últimos 15 anos da contínua habitação humana” têm de completar os treinos de longa duração da NASA. Até aos dias de hoje, a agência norte-americana já selecionou mais de 300 astronautas, dos quais 47 estão no ativo.