Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Bebé palestiniano morre asfixiado por gás lacrimogéneo de soldados israelitas

  • 333

ABBAS MOMANI/Getty Images

Os confrontos deixaram feridos dezenas de manifestantes palestinianos. Há cerca de um mês que decorrem confrontos diários na Cisjordânia ocupada por Israel e na Faixa de Gaza

Um bebé palestiniano de oito meses morreu eta sexta-feira asfixiado por gás lacrimogéneo disparado pelo exército israelita perto da casa de sua família em Belém, na Cisjordânia ocupada, indicou um porta-voz do ministério palestiniano da Saúde.

O porta-voz precisou que a criança, Ramadan Thawabteh, foi asfixiado por gás lacrimogéneo disparado pelas forças israelitas durante confrontos com jovens palestinianos que lançavam pedras contra os militares e se refugiaram na casa desta família.

Há cerca de um mês que decorrem confrontos diários na Cisjordânia ocupada por Israel e na Faixa de Gaza entre jovens palestinianos lançadores de pedras e soldados israelitas, fazendo recear uma nova Intifada.

Os confrontos fizeram esta sexta-feira novas vítimas, com dezenas de manifestantes palestinianos feridos por disparos de balas, para além de violentos confrontos na Faixa de Gaza ao longo da barreira de segurança com Israel.