Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Google. Vem aí a internet em balões

  • 333

Os testes conduzidos pela gigante norte-americana em território indonésio têm o objetivo de espalhar o acesso à rede por todo o mundo. Brasil, Nova Zelândia e Austrália já foram palco para primeiras provas

É já no próximo ano que centenas de balões vão passar a ser usados para alargar o acesso à internet. O projeto, oficializado esta quarta-feira, é da empresa que desde o início deste ano detém o controlo da Google, a Alphabet, em conjunto com três empresas de telecomunicações indonésias querem expandir o acesso à rede dentro do país.

A ideia é usar centenas de balões equipados com dois rádios transmissores, um computador de bordo e um aparelho GPS, tudo alimentado por energia solar para desta forma levar a internet através de frequências radioelétricas a locais remotos e de acesso difícil, .

De acordo com o vice-presidente do projeto, Mike Cassidy, o lançamento de balões na Indonésia poderá servir perto de 100 milhões de utilizadores. Citado pela Reuters, Cassidy já esclareceu que esta será a “forma mais barata” de dar acesso à rede a quem vive em ilhas.

A aplicação do projeto em território indonésio é apenas um primeiro passo. O objetivo do projeto, batizado como “Loon”, é construir um anel formado por estes balões à volta de todo o mundo, que proporcione acesso à rede substituindo os cabos de fibra óptica e as antenas.

Testes semelhantes aos que serão conduzidos na Indonésia já decorreram anteriormente no Brasil, Nova Zelândia e Austrália, embora em menores proporções.