Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Deutsche Bank depositou por engano 6000 milhões de dólares em conta de cliente

  • 333

O incidente ocorreu na divisão de mercados cambiais do banco e Londres

Sergei Karpukhin / Reuters

O episódio ocorreu em junho e o engano durou apenas 24 horas mas não deixa de pôr em causa os mecanismos de controlo do maior banco alemão

O maior banco alemão, Deutsche Bank, depositou por engano 6000 milhões de dólares (5270 milhões de euros) na conta de um cliente institucional. A notícia foi avançada esta segunda-feira pela agência Bloomberg e faz esta manhã a primeira página dos principais jornais mundiais.

O engano ocorreu em junho, quando um funcionário júnior da divisão de mercados londrina depositou aquela avultada quantia na conta de um fundo especulativo americano (“hedge fund”). O funcionário terá confundido “uma quantia bruta em vez de líquida”, adianta a agência.

Na altura, o Deutsche Bank alertou imediatamente o Banco Central Europeu e a Reserva Federal dos Estados Unidos entre outras autoridades. E embora o engano tenha durado apenas 24 horas, foi um rude golpe para o banco alemão, que acaba de anunciar um plano de reestruturação e saída de gestores.

Isto porque o episódio ocorre quando o Deutsche Bank está sob apertado escrutínio da autoridades bancárias dado o seu envolvimento em múltiplos escândalos bancários. Recorde-se que a instituição financeira está implicada em cerca de seis mil processos judiciais e aparece associada ao caso da manipulação das taxas interbancárias (Libor) ou da bolsa de emissões.