Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Merkel “paternalista” com voto dos portugueses: “Maturidade e bom senso”

  • 333

PATRICK SEEGER/ EPA

Na sequência da vitória da coligação PSD/CDS nas legislativas, a chanceler alemã elogiou os portugueses durante uma reunião no Parlamento Europeu com deputados da sua família europeia. Merkel espera que “o precedente” inspire outros eleitores

Angela Merkel reuniu-se esta quarta-feira com os eurodeputados do Partido Popular Europeu (PPE) e começou a reunião com um rasgado elogio aos portugueses presentes. “Maturidade e bom senso“, eis como a chanceler alemã classificou a escolha dos eleitores portugueses.

Para a chanceler, a manutenção do rumo de fidelidade às regras do euro é um bom sinal para Portugal e para a União Europeia. Agora, a esperança de Merkel é que o “precedente” português seja seguido nas eleições legislativas que brevemente ocorrerão em Espanha e na Irlanda.

A referência às eleições portuguesas marcou o início do encontro de Angela Merkel com os eurodeputados do PPE. A chanceler alemã começou por saudar os deputados portugueses do PSD e CDS pela vitória eleitoral de 4 de outubro.

Paulo Rangel, eurodeputado social-democrata e vice-presidente do grupo parlamentar do PPE, deu conta do elogio de Merkel na sua página pessoal no Facebook.

Outra fonte do PPE confirmou ao Expresso as declarações, que vão também ao encontro do que foi dito, na segunda-feira, pelo ministro alemão das finanças. Wolfgang Schäuble viu nos resultados eleitorais o reconhecimento de uma receita que o próprio prescreveu.

“Isto mostra que uma política pode ter sucesso, e ser apoiada por uma maioria, mesmo que imponha medidas duras à população”, disse o ministro alemão à entrada para uma reunião do Eurogrupo, no Luxemburgo.