Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Pelo menos 16 mortos em tempestade na Riviera Francesa

  • 333

Cerca de 27 mil casas ficaram sem eletricidade e foi interrompida a circulação de alguns comboios. Há estradas que ainda continuam fechadas. Três pessoas continuam desaparecidas

Helena Bento

Jornalista

Pelo menos 16 pessoas morreram na madrugada deste domingo na sequência de uma tempestade violenta na Riviera Francesa, segundo fontes oficiais. Outras três continuam desaparecidas.

De acordo com as autoridades locais, três das vítimas encontravam-se numa casa de repouso que, devido às chuvas fortes, ficou inundada. Outras cinco pessoas morreram enquanto tentavam desviar as suas viaturas para um lugar abrigado. Três condutores que se encontravam num túnel bloqueado pela chuva também acabaram por não resistir.

François Hollande, Presidente francês, disse em comunicado que a tempestade que assolou a região fez vítimas mortais nas cidades de Cannes, Biot, Golf-Juan e Mandelieu-la-Napoule, não muito longe de Itália.

De acordo com a estação de rádio "France Bleu-Azur", cerca de 27 mil casas ficaram sem eletricidade, depois de o rio Brague ter galgado as margens devido ao grande aumento do caudal, na cidade de Cannes.

A companhia francesa de comboios SNCF informou que foi interrompida a circulação de 12 comboios que transportavam centenas de pessoas, alegando razões de segurança. Várias estradas, sobretudo em Cannes, uma das cidades mais afetadas pela tempestade, foram fechadas.

Vários parques de campismo também foram inundados, e os campistas obrigados a subir para as suas caravanas de modo a evitar a água. Está em curso um plano de emergência, que conta com o apoio da polícia, equipas de socorro e serviços municipais.

A tempestade dirige-se agora para a costa italiana, segundo informações de agências meteorológicas.

[notícia atualizada às 14h48]