Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Seis mortos em várias explosões na China

Edifício atingido por uma das explosões que mataram pelo menos seis pessoas no sul da China

REUTERS

Os engenhos explosivos foram colocados em pacotes e entregues em edifícios públicos e governamentais de Liuzhou, no sul do país

Várias explosões em edifícios públicos fizeram, esta quarta-feira, pelo menos seis mortos e 13 feridos em Liuzhou, uma cidade na região de Guangxi, no sul da China.

Segundo a polícia local, citada pela agência de notícias Xinhua, pacotes com engenhos explosivos terão sido enviados para um hospital, um mercado, um supermercado, uma estação rodoviária e ainda para edifícios governamentais, entre os quais um centro de controlo de doenças e um dormitório para trabalhadores do Governo.

A televisão estatal CCTV cita o chefe da polícia local que confirmou tratar-se de um ato criminoso e que as explosões - mais de uma dúzia - foram desencadeadas por engenhos explosivos colocados em pacotes que poderão ter sido enviados por correio.