Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Governo cria grupo de trabalho para monitorizar ações sobre fraude da Volkswagen

  • 333

STEFAN WERMUTH

Objetivo é “assegurar a monitorização das ações” decorrentes da fraude da marca alemã. Pires Lima assegura que “não é sobre os detentores de veículos que vai recair o custo”

O ministro da Economia, António Pires de Lima, anunciou esta quarta-feira a criação de um grupo de trabalho para assegurar a monitorização das ações decorrentes da fraude da Volkswagen.

“O Governo decidiu constituir um grupo de trabalho”, que será composto pelos secretários de Estado da Inovação, Transportes e do Ambiente e onde se inclui técnicos do IMT e da Agência do Ambiente, para coordenar e “assegurar a monitorização das ações” decorrentes da fraude de Volkswagen, disse o governante.

Pires de Lima falava aos jornalistas após a última reunião do Conselho da Indústria desta legislatura.

O ministro disse ainda querer "tranquilizar" os consumidores portugueses que tenham adquirido um veículo da marca alemã com kit fraudulento instalado para as emissões poluentes. “Não é responsabilidade, não é sobre estes detentores de veículos que vai recair o custo”, disse.