Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Polícia chinesa aperta o cerco ao crime organizado

  • 333

Dados da última operação policial contra as tríades, as mafias chinesas, dão conta de mais de 50 mil detenções. 19 grupos foram desmantelados, dizem as autoridades

Depois das ações levadas a cabo em Hong Kong e Macau, as autoridades apertam o cerco às mafias chinesas, conhecidas como tríades, e estendem as operações a outros territórios. O balanço da mais recente campanha contra o crime organizado foi anunciado esta semana pela imprensa oficial do país: 19 mil detidos por suspeita de pertencerem aos referidos grupos , mais cerca de 31 mil toxicodependentes.

O maior número de detenções ocorreu em Cantão, província que faz fronteira com Hong Kong, onde foram detidas mais de 42 mil pessoas na operação, que terminou há uma semana, disse em conferência de imprensa o chefe do departamento de luta contra a delinquência e as tríades, Au Chin-Chau.

Em Macau, o número de detenções rondou as quatro mil e foram apreendidas drogas e armas.

Mais de 4.300 pessoas foram detidas em Hong Kong, tendo sido apreendido pelas autoridades um valor superior a um milhão de dólares (cerca de 895 mil euros) em dinheiro, drogas e contrabando, depois de rusgas a lugares como salões de jogos, bares de alterne e casas particulares.

A operação, batizada de “Rayo 15”, aconteceu entre 15 de junho e 18 de setembro. Este tipo de ação, que envolve a colaboração entre as polícias da China continental, Macau e Hong Kong (as duas últimas são regiões autónomas) acontece desde 2000 e tem geralmente a duração de um mês.

No entanto, a operação conjunta foi suspensa no ano passado devido aos protestos pela democracia que aconteceram em Hong Kong, o que levou as autoridades policiais, desta vez, a prolongarem a colaboração por três meses.

Segundo o balanço oficial, as autoridades conseguiram acabar com 19 grupos organizados.

“A mensagem que pretendemos transmitir é que a policía tem tolerância zero contra o crime organizado e outras atividades ilegais”, frisou Au Chin-Chau.