Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Líder da oposição grega assume derrota

  • 333

O líder do maior partido da oposição na Grécia, a Nova Democracia, já assumiu a derrota nas eleições deste domingo. Meimarakis, vinte anos mais velho do que Tsipras, jogou para vencer, mas os gregos querem continuar a mudança

O líder do partido conservador grego Nova Democracia (ND) reconheceu este domingo a derrota nas legislativas antecipadas, que deram a vitória ao ex-primeiro-ministro grego Alexis Tsipras.
“Felicito-o (...). Parece que os cidadãos não mudaram de opinião”, disse Vangelis Meimarakis aos jornalistas, à chegada a sede do partido, próxima do centro de Atenas, vincando: “Travámos esta batalha com seriedade”.

De acordo com os resultados oficiais parciais, quando estão contados um quarto dos boletins, às 18:50 em Lisboa, o partido de esquerda Syriza tem 35,33% dos votos contra 28,17% para a ND.

As eleições antecipadas foram convocadas na sequência da demissão de Alexis Tsipras do cargo de primeiro-ministro, em 20 de agosto, depois de perder uma parte da sua bancada parlamentar devido a uma cisão de 25 deputados da ala mais à esquerda do partido, quando o parlamento grego aprovou um novo pacote de austeridade que Tsipras acordou com Bruxelas, recuando nas promessas de que iria acabar com a política de austeridade na Grécia.