Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Cereais do pequeno almoço banidos para evitar criação de bebidas alcoólicas

  • 333

A medida foi tomada em pelo menos três escolas do Zimbabué porque havia alunos que fermentavam os cereais para criar bebidas alcoólicas

Pelo menos três escolas do Zimbabué avisaram os pais dos seus alunos que estes não poderiam entrar nos estabelecimentos de ensino caso levassem consigo cereais do pequeno almoço.

A proibição ocorre devido aos casos de alunos que utilizam os cereais para criar fortes bebidas alcoólicas, segundo refere o jornal do Zimbabué “Chronicle”.

“Os alunos supostamente misturam os cereais com açúcar mascavado e fermento e deixam a mistura fermentar ao sol, criando uma potente mistura álcoolica que os alunos bebem mesmo debaixo do nariz dos responsáveis da escola”, escreve o jornal.

O uso de álcool entre adolescentes é um grave problema no Zimbabué, que neste caso é ainda agravado por se tratarem de bebidas produzidas de forma descontrolada.

“O perigo de fazer isso é que não há nenhum método de controlar o álcool das bebidas. A cerveja (produzida deste modo) pode ter altos níveis de álcool, representando uma ameaça para a saúde”, afirmou Michael Dube, um químico local ao “Chronicle”.

No último ano letivo os avisos já haviam sido lançados por uma escola secundária. Medida que foi este ano seguida por outras escolas.