Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Um morto em acidente que envolveu dois aviões na Suíça

  • 333

SEBASTIEN BOZON / AFP / Getty Images

Dois aviões militares alemães colidiram este domingo quando realizavam uma demonstração aérea em Dittigen, no norte da Suíça. Até ao momento não se sabe se existem mais feridos ou vítimas mortais

Uma pessoa morreu este domingo, na sequência do choque de dois aviões que realizavam um espetáculo aéreo na localidade de Dittingen, no cantão suíço de Bâle-Campagne (Basileia-Campo), confirmou a polícia local. A demonstração envolvia três Ikarus C42 da equipa alemã de acrobacias, Grasshoppers, mas o terceiro avião - que não esteve envolvido na colisão - conseguiu aterrar em segurança.

O incidente ocorreu antes das 11h30 (menos uma hora em Lisboa). Pedaços das aeronaves espalharam-se pela cidade, provocando danos em casas e em pelo menos um veículo. No entanto, ainda não existem registos de mais feridos, para além de uma vítima mortal.

A polícia já revelou a identidade da vítima que perdeu a vida no acidente de aviação: era o piloto de um dos aviões, um homem de 50 anos. Já o piloto do outro avião conseguiu ejetar-se a tempo e escapar ileso.

O festival aéreo em Dittigen foi entretanto interrompido, até que as equipas de resgate terminem o seu trabalho no local. A causa do incidente está neste momento a ser investigada pelas autoridades.

Este foi o segundo acidente mortal em dois dias, na sequência de demonstrações aéreas na Europa. Também no sábado, um Hawker Hunter que participava numa exibição no Reino Unido, perto de Brighton, despenhou-se e provocou pelo menos sete mortos (número que pode ser revisto em alta, para 11 vítimas mortais, de acordo com a polícia local).