Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Condutor que matou 27 peregrinos no México detido após uma semana em fuga

  • 333

O atropelamento que matou 27 peregrinos e feriu centenas de outros tornou o local da procissão num cenário de terror

© Stringer . / Reuters

Estava fugido desde 31 de Julho, mas as autoridades mexicanas finalmente capturaram o condutor que atropelou mortalmente 27 peregrinos

Faz esta sexta-feira uma semana, centenas de pessoas rumavam até à igreja de Santo Gregório Magno, quando um camião de transporte atropelou muitos peregrinos na estrada principal de Mazapil, na região de Zacatecas, no centro do país. O resultado foi trágico: 27 mortos até agora, incluindo três crianças, e centenas de feridos.

O camião ia carregado com toneladas de areia e ficou sem travões. Embateu contra vários veículos antes de capotar junto a um edifício. Os peregrinos foram atingidos primeiro pelos veículos que o camião empurrou, e só depois sofreram o impacto do camião de areia. No local, morreram de imediato 14 pessoas, enquanto outras foram sucumbindo aos ferimentos já depois de hospitalizadas. Das centenas de feridos, 28 continuam ainda internados.

“Foi trágico, não havia muito que pudessemos fazer”, disse um dos padres que liderava a procissão. “Tentámos dar o maior conforto espiritual e religioso que podíamos às vítimas em agonia”, acrescentou.

O condutor do camião conseguiu abandonar o veículo antes deste começar a atropelar os peregrinos, aproveitando a confusão gerada pelo acidente para abandonar o o local. Andou fugido durante sete dias e foi finalmente capturado esta sexta-feira.

Segundo a agência Lusa, as autoridades locais detiveram o condutor em Concepcion de Oro, entre Zacateas e Coahiula.