Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

EUA. Tiroteio em cinema de Nashville

  • 333

O tiroteio começou poucos minutos depois da 13h (19h em Lisboa)

Tim Ghianni/ Reuters

O atirador foi morto pela polícia e quatro pessoas ficaram com ferimentos ligeiros

Um homem de 51 anos entrou no cinema Carmike Hickory 8, em Antioch, Nashville, durante a exibição do filme "Mad Max: Estrada da Fúria", e começou a disparar indiscriminadamente. Ouviram-se três tiros. Quatro pessoas ficaram feridas e o atirador foi abatido.

Eram cerca das 13h15 (19h15 em Lisboa), quando o homem chegou à sala de cinema. Vinha carregado com uma mochila, uma arma de fogo, um machado e gás pimenta. Segundo a Reuters, cerca de cinco minutos depois dos tiros, a polícia já estava no local e disparou sobre o atirador, que acabou por morrer.

"Acreditamos que a ameaça iminente acabou", disse Don Aaron, porta-voz da polícia local, citado pela Reuters.

Os feridos foram assistidas no local. Um deles "parece que não é nada além de uma grande nódoa negra", disse Brian Haa dos Bombeiros de Nashville, citado pela Reuters. Os restantes três feridos estavam atordoados por causa do gás pimenta.

No local estiveram mais de 12 viaturas de emergência, polícia, bombeiros e ambulâncias.

Recorde que este tiroteio acontece cerca de duas semanas depois de um tiroteio num cinema em Lafayette, no estado do Louisiana. Três pessoas morreram, incluindo o atirador, e outras nove ficaram feridas. Já no mês de junho, um jovem de 21 anos abriu fogo numa igreja na Carolina do Sul, onde nove pessoas morreram.