Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Bancos gregos vão continuar fechados

  • 333

YANNIS BEHRAKIS / Reuters

Bancos gregos fecharam as portas para os depositantes em geral já há duas semanas. Limite de levantamento pos cartão também se mantém

O governo helénico decidiu manter os bancos fechados pelo menos até esta quarta-feira. A notícia está a ser avançada pelas agências Reuters e Bloomberg, que citam uma fonte do Ministério grego da Economia. Daqui a dois dias, o Executivo de Alexis Tsipras voltará a reavaliar a situação. 

Há duas semanas que os bancos gregos fecharam as portas para os depositantes em geral, recebendo apenas pensionistas - que formam longas filas para receberem as suas reformas. Desde essa altura, o controlo de capitais no país obriga a que cada titular de conta possa levantar no máximo até 60 euros diários nas caixas multibanco - ou 120 euros no caso dos pensionistas.

O prolongamento do encerramento dos bancos em Atenas surge no mesmo dia em que o Banco Central Europeu (BCE) decidiu manter inalterada nos 89 mil milhões de euros a linha de emergência disponível para as instituições financeiras helénicas - e também no mesmo dia em que os credores e a Grécia chegaram a acordo.