Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Polícia turca detém 45 estrangeiros que queriam juntar-se ao Daesh

  • 333

Polícia turca detém um alegado membro do autoproclamado Estado Islâmico

EPA

A maioria dos detidos são do Tajiquistão, três dos quais têm menos de 18 anos

A polícia turca deteve 45 pessoas, a maioria do Tajiquistão, suspeitas de pretenderem alcançar a Síria para se juntarem ao autoproclamado Estado Islâmico (Daesh), informaram este domingo fontes oficiais turcas. 

A direção de segurança da província de Ganziatep adiantou que 25 pessoas foram detidas este domingo numa estação de autocarros, juntando-se às 20 detenções realizadas na sexta-feira. 

Segundo a mesma fonte, os detidos chegaram à Turquia de avião e entre eles há três menores de idade. 

Na passada sexta-feira, numa operação policial em quatro cidades do país, a polícia turca deteve 21 pessoas suspeitas de pertencerem ao Daesh e de planearem introduzir combatentes estrangeiros no Iraque e na Síria. 

A Turquia é considerada o principal ponto de passagem dos recrutas do Daesh, nomeadamente europeus, para a Síria, onde a organização extremista controla largas faixas do território ao longo da fronteira entre os dois países.