Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Novo pedido de resgate grego já foi recebido

  • 333

Parlamento Europeu antes de receber Tsipras, esta quarta-feira

PATRICK SEEGER / EPA

Porta-voz do Mecanismo de Estabilidade Europeu confirma que carta com pedido oficial de terceiro resgate, através do Mecanismo de Estabilidade Europeu, feito pelo Governo grego, já chegou a Bruxelas. A carta contém propostas de mexidas em impostos e pensões e uma breve referência à sustentabilidade da dívida grega e deverá ser analisada pelo grupo preparatório do Eurogrupo esta quarta-feira

Cátia Bruno

Cátia Bruno

Jornalista

Um porta-voz do Mecanismo de Estabilidade Europeu (MEE) confirmou que o pedido oficial de um terceiro resgate pelo Governo grego aos representantes europeus já foi recebido pela via oficial, segundo avança a agência Reuters. Para além do pedido formal, a carta deverá incluir ainda as propostas concretas avançadas pelo Executivo de Alexis Tsipras em troca da assistência financeira.

Na carta, assinada pelo novo ministro das Finanças grego, Euclid Tsakalotos, pode ler-se que o Governo grego se compromete a "aplicar imediatamente um conjunto de medidas com efeito já no início da próxima semana". No entanto, a carta não especifica as medidas em concreto, referindo apenas que serão relacionadas com "reformas fiscais" e "pensões".

O documento inclui ainda uma breve referência à questão da dívida, que também não se centra em datas nem valores concretos, referindo apenas que o Governo grego gostaria de ver exploradas algumas medidas para que a sua dívida se torne "sustentável e viável a longo prazo".

O pedido de resgate aponta também para um programa de três anos e não de dois, como tinha sido anteriormente pedido pelos responsáveis gregos.

Os líderes europeus estabeleceram um prazo de até quinta-feira para o Executivo helénico apresentar propostas concretas relativamente a um novo pedido de assistência financeira. Ao contrário do que foi inicialmente noticiado, os ministros das Finanças da zona euro não irão discutir as propostas enviadas por teleconferência esta quarta-feira. Em vez disso, haverá uma reunião técnica do grupo que prepara os encontros do Eurogrupo.

Nesta manhã, o comissário europeu para os Assuntos Económicos, Pierre Moscovici, declarou que nenhum documento tinha sido ainda recebido, mas declarou estar convicto de que as propostas estariam a caminho, reforçando a "urgência" sobre o tema Grécia.

  • Juncker. “Temos um cenário de saída da Grécia do euro preparado ao detalhe”

    Presidente da Comissão Europeia diz que é “totalmente contra” um Grexit, mas adianta que poderá não conseguir evitar este cenário caso o governo grego não faça o que lhe é pedido. Jean-Claude Juncker espera pelas propostas gregas até à próxima sexta-feira de manhã e salienta que tinha avisado que o “não” no referendo grego iria enfraquecer dramaticamente a posição negocial grega. “Ela ficou muito enfraquecida esta noite”, conclui.