Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Queda de avião militar indonésio faz pelo menos 30 mortos

  • 333

Irsan Mulyadi/Reuters

O Hercules C-130 do exército da Indonésia despenhou-se sobre uma zona residencial da cidade de Medan, em Sumatra, alguns minutos após ter descolado

Há 30 mortos confirmados, mas o número de vítimas poderá ser superior uma vez que as últimas informações indicam que se encontravam “mais de 50 pessoas” no avião de transporte do exército da Indonésia que caiu numa zona residencial de Medan, em Sumatra, tendo atingido duas casas e um carro, e incendiado-se de seguida.
O Hercules C-130 caiu poucos minutos após ter descolado. “Eu vi o avião da direção do aeroporto e já estava inclinado, depois eu vi fumo a surgir”, referiu um residente à agência AFP.
O piloto indicara à torre de controlo que necessitava de regressar à base devido a problemas no motor, pouco antes de se ter despenhado, segundo indicou o responsável do pessoal da Força Aérea, Agus Supriatna, à Televisão Metro. “O avião caiu quando estava a virar à direita para regressar ao aeroporto”, afirmou.
Uma multidão de pessoas afluiu ao local, onde têm lugar as operações de salvamento. As imagens mostram espessas nuvens de fumo negro e a fuselagem do aparelho entre os edifícios atingidos.
Incialmente foi referido que o aparelho levava a bordo 12 militares, mas o governador de Sumatra do Norte indicou entretanto que deveriam estar a bordo mais de 50 pessoas.
Com cerca de 3,4 milhões de habitantes, Medan é a terceira mais populosa cidade indonésia. Este é o segundo avião a cair num bairro residencial de Medan. O anterior ocorreu em 2005 quando um Boeing 737 da Mandala Airlines despenhou-se pouco depois de ter colocado do aeroporto Medan Polonia, causando 143 mortos, 30 dos quais pessoas que foram atingidas pelo aparelho em terra.