Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Helicóptero militar norte-americano desaparece no Nepal

  • 333

FOTO ROBERTO SCHMIDT/AFP/Getty

Centenas de pessoas estão envolvidas nas buscas de um helicóptero dos Marines que participava em operações humanitárias no Nepal. A bordo seguiam seis militares norte-americanos e dois nepaleses. 

Um helicóptero militar norte-americano - cuja tripulação estava a entregar mantimentos em Dolkha, distrito de Janakpur, uma das regiões mais afetadas pelo sismo do passado dia 25 de abril, - desapareceu na terça-feira com oito pessoas a bordo: seis militares norte-americanos e dois nepaleses.

Esta quarta-feira, meia dúzia de helicópteros e centenas de militares nepaleses estão envolvidos nas operações de busca pelo UH-1Y dos Marines (Força Especial da Marinha norte-americana) depois de o aparelho ter perdido o contacto com as autoridades.  

Segundo a Reuters, a equipa de Marines que estava a liderar a operação a partir de Katmandu ouviu minutos antes a tripulação falar sobre problemas com o combustível, depois de os elementos que seguiam no helicóptero terem entregado os primeiros mantimentos perto de Charikot, a cerca de 72 km de Katmandu.

"Temos esperança que o helicóptero não se tenha despenhado, mas não sabemos. A tripulação estava ali a dar ajuda humanitária para aqueles que foram mais afetados pelo sismo [de 25 de abril] ", disse Steve Warren, porta-voz do Pentágono, citado pela CNN. 

O ministro nepalês do Interior, Laxmi Prasad Dhal, mostrou-se entretanto preocupado com facto de os recursos canalizados para estas buscas estarem a prejudicar as operações de resgate das vítimas do sismo de terça-feira.

"Os trabalhos de resgate em busca de vítimas e o transporte de feridos para os hospitais  estão a ser atrasados devido às buscas pelo helicóptero militar norte-americano", afirmou Laxmi Prasad Dhal, citado pela Reuters.

Cerca de 300 norte-americanos estão no Nepal para participar em operações humanitárias no terreno.