Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Antigo líder do IRA morto a tiro em Belfast

  • 333

Gerard “Jock” Davison foi mortalmente alvejado esta terça-feira de manhã na área dos Mercados, na zona sul de Belfast.

O antigo comandante do IRA Provisional (organização que surgiu em 1969 em sequência de uma cisão no IRA), conhecido como Gerard “Jock” Davison foi atingido mortalmente com vários tiros esta terça feira de manhã na área dos Mercados, na zona sul de Belfast, onde trabalhava atualmente com as comunidades locais.

Desconhece-se a autoria e as motivações do crime.

Atualmente com perto de 50 anos, Davison subiu dentro da organização paramilitar do IRA Provisional nos anos 1980, que viria a comandar em Belfast. Ao contrário de muitos membros da organização, que posteriormente aderiram a organizações republicanas dissidentes, ele permaneceu fiel à a estratégia de tréguas do Sinn Fein.

Mais recentemente foi acusado de ter ordenado o assassinato de Robert McCarney, que em 2005, após uma discussão num bar, foi encontrado gravemente ferido na rua, acabando por falecer.

A acusação partiu da irmã da vítima, cuja família levou a cabo uma campanha internacional para que seja feita justiça.

Na altura do crime, Davison foi interrogado, mas foi libertado sem ser alvo de nenhuma acusação.  

Isto é um crime horrendo e os responsáveis não mostraram nenhuma consideração por qualquer pessoa que podia ter sido apanhada no meio durante a hora de ponta devido aos horários das escolas”, afirmou esta terça-feira Alasdair McDonnell do Partido trabalhista Social Democrata Irlandês, a propósito do assassinato do antigo líder do IRA Provisional.

Os meus pensamentos e orações está com os membros da família neste momento traumático (...) As pessoas aqui querem afastar-se da violência do passado. Esta comunidade vai rejeitar aqueles que trazem assassinatos e o caos às nossas ruas. Eu quero apelar a qualquer pessoa que possua qualquer informação para que a traga tão depressa quanto possível”, acrescentou.