Siga-nos

Perfil

Expresso

projeto saude 2025

Diminuir a distância entre utente e medicina, aproximar os serviços dos cidadãos

  • 333

PLATAFORMA: a partir do site pode marcar consultas no seu centro local, partilhar informação com profissionais ou mesmo monitorizar os seus indicadores de saúde, entre outras possibilidades

D.R.

Criado há dois anos pelos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, o Portal do Utente já conta com cerca de um milhão de utilizadores para ajudar a monitorizar e partilhar dados de saúde.

Os cuidados de saúde ainda se baseiam predominantemente na questão da proximidade e da ida a espaços próprios. Mas cada vez mais se implementa tecnologia para que haja maior facilidade de ligação entre serviços e utentes. Uma tendência onde o Portal do Utente se inclui para facilitar a monitorização e a partilha de dados de saúde.

Introduzido em Portugal pelos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde há dois anos, a plataforma tem crescido paulatinamente. Atualmente com cerca de um milhão de utilizadores, a meta dos responsáveis é chegar, em pouco tempo, aos dois milhões. Tudo para aproximar os cidadãos ao Sistema Nacional de Saúde.

Com especiais cuidados de segurança e confidencialidade, a partir desta ferramenta o utente tem a possibilidade de consultar e gerir os dados de saúde, de forma fácil, centralizada e reservada. Pode, por exemplo, marcar consultas no seu centro local, partilhar informação com profissionais ou mesmo monitorizar os seus indicadores de saúde, entre outras possibilidades (ver vídeo).

O registo é rápido e gratuito e pode-se fazer com uma palavra passe e número de utente ou, para garantir ainda mais segurança, utilizar o Cartão de Cidadão ou a Chave Móvel Digital. Esta última opção permite ter acesso a mais serviços.

Dar aos portugueses maiores oportunidades de gerirem a sua saúde foi uma das grandes motivações por detrás do Portal do Utente. Ao estimular esta mudança, a esperança é que também se consiga implementar estratégias de prevenção que reduzam tempos espera, despesas pessoais e aumentem a produtividade dos profissionais.

2 milhões de processos

Por isso, o Portal do Utente foi integrado na Plataforma de Dados da Saúde que, além desta ferramenta, junta mais três portais: o Institucional, o do Profissional e o Internacional para garantir o registo e a partilha de informação entre entidades, médicos e outros utilizadores. Cruzamento de informação que abriu caminho à consulta de mais de 2 milhões de processos clínicos numa média de 300 mil acessos diários. A tecnologia não recua na sua missão de aproximação entre doente e médico.

Conheça os grandes exemplos de inovação tecnológica na rubrica Estetoscópio todos os dias, no Expresso Diário e Online, até 22 de maio.