Siga-nos

Perfil

Expresso

projeto saude 2025

"O cidadão é que vai liderar a mudança na Saúde, não o Estado"

  • 333

O Ministro da Saúde, Paulo Macedo

Luís Barra

Ministro da Saúde, Paulo Macedo foi um dos destaques da Conferência Saúde 2025 - do Expresso, IBM, Médis, José de Mello Saúde e Samsung - onde as tendências futuras dos cuidados de saúde estiveram em discussão na Fundação Champalimaud.

Maior proximidade, mais tecnologia, mais prevenção. Foram alguns dos princípios para o futuro que ficaram da Conferência Saúde 2025 que juntou uma série de personalidades deste campo na Fundação Champalimaud, em Lisboa.

Pedro Norton, CEO do Grupo Impresa, arrancou com uma menção a um debate "virado para a frente e aberto à sociedade". Já Purificação Tavares, da CGC Genetics, realçou que, com as novas tecnologias, é preciso ser ainda mais rigoroso nos testes, porque "por vezes podem ser válidos mas não tão úteis". Por sua vez, Salvador de Mello, da José de Mello Saúde, garantiu que os cuidados vão estar "cada vez mais próximos das pessoas".

Uma das intervenções mais relevantes ficou a cargo de Paulo Macedo. O Ministro da Saúde garantiu que "o cidadão é que vai liderar a mudança na Saúde, não o Estado" e aproveitou para confirmar a notícia que laboratórios vão ter que passar a comunicar à Direção-Geral da Saúde os diagnósticos de cancro.